Bazar Beneficente
02/08/2016
Novo Site, Novo Blog.
04/01/2018
Mostrar tudo

“Minha alma canta, vejo o Rio de Janeiro, estou morrendo de saudade” – cantarolou por ai o mestre Tom Jobim. Composta por este gênio em 1963, uma das mais belas formas de demonstrar saudade da terra maravilhosa. Sim, nós Desbravadores estivemos por lá, no finalzinho das Paralimpíadas e obviamente que, o Rio deixa e deixou saudades.

Suas paisagens, o sol, o mar, a praia, as pessoas, o Cristo, o pão de açúcar… dispensam comentários. Todos já sabemos o quão belo é o Rio de Janeiro e tudo se comprova ser tão bom como se diz quando se está lá. Decidimos ir ao Rio para visitar amigos, prestigiar as Paralimpíadas e Desbravar a estrada, mais uma vez e de carro claro!

Saímos cedo de casa, em pleno sábado, e seguimos pela Dutra, clássica rodovia que liga SP -> Rio.

No caminho passamos pelo Farol na Serra das Araras, como uma enorme surpresa, pois não sabíamos do que se tratava. Resolvemos fazer uma pausa, tomar um pouco de água e ver o que este monumento nos reservaria.

 

Não apenas um monumento abandonado e cheio de marimbondos, mas também um pedaço da história do nosso Brasil.
Em uma pesquisa rápida depois, pudemos constatar que fora  lançado em 1928 pelo presidente Washington Luiz, como marco da abertura de estradas no Brasil e em homenagem aos rodoviários. Uma pena estar tão abandonado nos dias de hoje. (para saber mais, leia aqui e aqui). Ainda deu tempo de apreciar a bela paisagem.

Mirante: Farol Serra das Araras

Pé na estrada novamente (ou rodas, como preferir) e logo chegaríamos ao Rio.  E enfim, poucas horas depois, chegamos!

Pudemos rever amigos de outras viagens, fazer novos também e claro conhecer um pouco desta linda cidade. Deu tempo a noite até de conhecer alguns pontos turísticos mais alternativos como a Escadaria Selarón.

Difícil foi chegar lá em cima!

 

Deu ainda pra tirar algumas fotos da nossa maravilhosa cerveja Desbravadores, mas infelizmente não ficaram tão boas devido à falta de luz e por não sermos tão bons fotógrafos (afinal temos nos dedicado mais em fazer cerveja, nossa verdadeira paixão!). Mas deu para gravar um pequeno vídeo que em breve iremos disponibilizar, da até pra ver que, nem sempre as coisas dão muito certo ou saem como planejamos rsrs!

Dia seguinte, pudemos apreciar a praia, e apoiar nossos corredores na maratona! A ideia era ver um jogo de Rugby porém, não deu tempo!

Viagem curta, rodas na estrada novamente e bora para casa! A experiência foi ótima e deixou saudades. Certamente que voltaremos, desbravaremos! Nossa meta é poder levar nossa cerveja até o Rio para que todos os cariocas possam não apenas conhece-la, mas também bebê-la! Em breve, em breve!

Aquele abraço!

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *